Páginas

10/05/2022

º A grande "economia"... º

 

Duda sem dar atenção ao rótulo, por engano compra e abre, após gelar, um vinho.

Ela e o marido gostam apenas do seco e aquele era suave.

-Ah, não faz mal! Não vou perder de forma alguma o vinho.
Amanhã faço com ele um doce de maçãs no forno, diz ao marido que já se lambia, guloso que é...hmmmmmmm...

No dia seguinte, compra maçãs lindas, bem escolhidas, acrescenta numa forma o vinho, canela, açúcar e pluft...pronto pra ir ao forno.

Eta doce fácil esse!!!
Rapidinho estará pronto e cheirando!

Enquanto isso, ela se senta a escrever, tarefa que lhe agrada muito, é metidinha!

Passa o tempo e de repente um cheiro de queimado e fumaça, invadem a sala onde se encontrava, até então, beeeem tranquila.

AH! %$#@%¨&*&%§...grita.

Chega na cozinha e atrás da "neblina" vê uma forma detonada, carvão de maçãs...

Puxa! Que "economia" fiz, pensa, tocando no lixo forma e tudo mais...

Tá bom, maçãs não deram certo, mas nesse tempo, três textos novos saíram do seu outro forno, rsr....

chica

30/04/2022

º Desejos... º

Desafio de ABRIL lá na Marta Vinhais

O desafio é:

O tema é livre; contudo, o vosso texto, poema, comentário deverá começar com a frase:

" Uma vez que fosse "
e incluir uma das seguintes palavras:

desejo

paixão
liberdade
memórias
amor

 A minha participação assim ficou:

Uma vez que fosse apenas meu desejo de que as boas memórias que temos de nossa vida de amor, desde o início, pudessem nunca ser esquecidas , mesmo com o tempo cada vez  nos presenteando com mais e mais  anos...
Que não nos pegue aquele tal de  Dr.alemão, trazendo esquecimento...

Os anos  chegam e já atravessamos as fases de desejo e paixão, restando o lindo amor , parceria e que nos une há mais de meio século...

Que  pudéssemos voar juntos, em merecida liberdade, para o outro jardim da vida, naquele em que finalmente descansaremos.
-Descanso? 
-Será conseguiremos ficar paradinhos, sem agitar?
Não garanto por mim... Na certa, acharei um jeitinho de por lá "agitar" e não te deixarei paradinho ficar... 😀😀😀

Enquanto isso, vamos que vamos sonhando juntos!

beijos, chica

Participem também lá na Marta

22/04/2022

º Leituras... º

Imagem daqui

 Quando a capa de um livro se abre, podemos em cada página voar... 

Cada leitor pode ter sua própria interpretação, fazer o seu voo, imaginar-se dentro da história, aprender, ampliar a cultura.

Independente do tipo de leitura, após  iniciá-la nossa curiosidade é aguçada e queremos ver o final, como irá se desenrolar.

E, quando a última página fechamos, se nos agradou, continuamos a "folhear" em imaginação cada página que nos emocionou e com ela, voaremos leves... 

Aliás, que bom se nas nossas vida fossem permitidas apenas páginas boas e leituras edificantes.  O resto, nem vale a pena, mas já nos chega ,querendo ou não, por outros veículos de comunicação.

Saibamos portanto bem escolher...


beijos, chica


11/04/2022

ºDeu zebra! º





 Participando da BC Uma imagem, um conto  de Abril, lá na Norma Emiliano...





Eram anos 80.
Ao final do Fantástico, na tv, domingos à noite, eram esperados os resultados da loteria esportiva.

Quem os trazia era a famosa zebrinha que de resultado em resultado, fazia tremer de emoção quem estava quase acertando tudo...

 Pois bem, Edi e Tânia, um casal sonhador, a cada novo resultado, vibrava, ficava pálido. Estavam  quaaaaaaaaaaaaase ricos!  E venceram, acertaram todos!  

Aquela noite nem dormida foi. Tinham que aguardar a manhã seguinte para que fossem dados os resultados oficiais e os valores ganhos pelo  vencedor( es).

Assim, o casal passou sonhando como seria a casa, detalhes, haveriam de ter ou não piscina, sobrado ou casa plana, ladrilhos assim ou  assado, enfim...
 
A segunda-feira chegou e os encontrou com olheiras, mas felizes e veio o anúncio...  

Nunca havia, tido tantos ganhadores juntos e assim, o montante, após a divisão entre todos,  não deu mais do que para  um simples churrasquinho feito em casa, no forninho mesmo, pois nem para o carvão daria...

E assim, deu ZEEEEEEEEEEEEEEEBRA nos planos... 
Ainda bem, continuaram a trabalhar e sonhar e enquanto Edi viveu, assim o fez!
Essa era a simpática zebrinha da Tv...Trazia alegria ou surpresas...



Participem também lá na Norma!


Linda semana, beijos, chica