30/03/2018

  º Como podemos justificar a realidade? º


A realidade existe e sempre irá existir pois ela é tudo.

Se algo existe, faz parte da realidade.

Se vivemos em um sonho, a vivemos igualmente, pois nessa caso, o próprio sonho será a realidade.

Se nada existe, ainda assim é a realidade. Nesse caso, ela será  o próprio "nada".
Ela sempre irá existir e será aquilo que existe junto com ela.

Conclusão: A realidade é o que existe. Se nada existe, a realidade é o nada.

NENO

15/03/2018

  º Engolir ou correr riscos? º




"Credo in cruiz"!!!

A vida anda bem esquisita mesmo, não acham?

Na hora de falar, colocar nossos pensamentos, temos que  nos policiar de um modo que por vezes podemos perder a graça, a espontaneidade.

Agir politicamente corretos não é fácil para quem tem como característica a autenticidade!

Tudo hoje em dia é bulling, é racismo, homofobia...

Como gaúcha, só posso dizer e pensar: BARBARIDADE,TCHÊ!!!

Pra que complicar tanto as coisas, tornando a vida mais difícil?

E, se o assunto é política e/ou religião?  Sai de baixo!!!  Melhor engolir pois senão teremos incomodações  pela frente...

 - E será que "engolir" faz bem???

É um tema para  pensar e repensar!!!

Corremos o risco sempre...

O mundo anda  muito cheio de "mimimis"  e cabe à nós a escolha: engolir sapos e pensamentos, causando até uma indigestão e engasgamentos ou  entrar em brigas...

Tá enroscada a coisa, valha-me Senhor!!!

chica


01/03/2018

  º Prioridades º

Há alguns meses, ficamos todos sabendo que algumas empresas estão planejando realizar viagens para Marte, com o intuito de levar pessoas para investir e construir no planeta vermelho. Uma espécie de colonização espacial.

A NASA quer fazer isso desde que o homem foi à lua. A curiosidade move as pessoas e descobrir coisas novas é muito bom.

No entanto, por mais que essa busca por conhecimento faça bem, temos que primeiro pensar no nosso próprio planeta. Antes de investir em Marte, é essencial ajeitar as coisas aqui na Terra.

É muito mais lógico e fácil ajeitar o que há de errado aqui. Investir em outro planeta não faz o menor sentido. Temos que resolver os problemas que existem antes de criar outros.

 A ciência pode esperar. Os cidadãos que enfrentam problemas todos os dias, não!

Neno